Estudos > O arrebatamento

O arrebatamento

Sinais da vinda de Jesus. O Arrebatamento
“ Então, estando dois no campo, será levado um, e deixado o outro; Estando duas moendo no moinho, será levada uma, e deixada outra. Vigiai, pois, porque não sabeis a que hora há de vir o vosso Senhor.” Mateus 24;40-42
Ninguém, sabe como e quando vai acontecer. O arrebatamento será um evento global simultâneo em que pessoas de diversos lugares do planeta desaparecerão. Uma espécie de “tele transporte” onde as pessoas desaparecem simultaneamente aparecem em outro lugar. Poderia citar muitos textos que se referem a esse evento cósmico.
Vou simplificar da mesma forma como Jesus se referiu a esse episódio profético que acontecerá num futuro muito próximo. Ele disse: “que haverá dois no campo, um será levado e outro deixado... Estando duas moendo no moinho, uma será levada, e deixada a outra.”
Ao observar essa profecia de Jesus, precisamos compreender ao que Ele se referia, qual era o contexto de sua conversa, sobre o que se tratava. Ele estava respondendo perguntas aos discípulos a respeito de seu retorno. Ele não se referia a fatos lineares que se seguem uma ordem, mas a um todo que é possível construir uma sucessão de fatos que vão preceder ao arrebatamento.
É possível nos textos dos evangelhos, seguir uma sequencia dos textos proféticos que já se cumpriram no decorrer da história. Detectar um comportamento social generalizado da sociedade na época em que hipoteticamente poderá ocorrer o arrebatamento. Ele nos deixa uma dica . Ele nos revela um sinal que precederá tal evento, em que que Seu retorno teria como fundo de palco, um cenário do mundo muito parecido como: “nos dias de Noé”
Dias anteriores ao grande dilúvio em que muitos não se aperceberam do perigo iminente, e continuavam com os ritmos alucinantes e temporais da vida cotidiana e de repente houve a inundação pelo diluvio sem chance de sobreviver e pereceram.
Percepção cognitiva coletiva distorcida
Todos os dias somos induzidos pela mídia a comprar, gastar, divertir-se, passear como se nossos momentos jamais sofressem uma ruptura do inimaginável, uma circunstância abrupta, que nos traga a reboque as perplexidades. “Não isso nunca ocorrerá” “Coisa de religiosos” O ceticismo toma conta, e de repente acontece o fato que ninguém nunca imaginou que ocorreria.
Quem será arrebatado?
Parece que alguns religiosos gostam de apresentar respostas citando regras comportamentais de aspectos da vida devocional e suas formas, sendo que é apenas uma escolha entre as pessoas que fazem tarefas rotineiras. Quem interessar possa, há uma resposta de aplicação subjetiva. Tem a haver com a individualidade da alma totalmente entregue a um conhecimento superior de si mesmo com uma consciência transformada.
Não tem muito a haver com a religião que professa, mas sim com o caráter da essência de sua consciência. Os valores e princípios impregnado na alma e desassociada de dogmas, liturgias ou de qualquer religiosidade periférica. “Dois estarão juntos... Um será tomado, e será deixado o outro.” Uma será levada e deixada a outra.
Ambos os que forem e ambos os que ficarem têm algo em comum. Estarão ocupados fazendo tarefas. Do dia a dia. Qual foi o critério de escolha? Jesus não diz. O que Ele enfatiza é para que cada um se acautele pois no momento em que não pensais Ele virá;
O arrebatamento dentro dos ensinos de Jesus é uma experiência muito subjetiva que tem tudo a ver com o estado evolutivo da consciência de cada um na forma como se absorve Seus ensinos. Uma vida simples de reflexão sadia e acima de tudo de autoconhecimento do amor de Deus refletido na vida de quem torna-se um imitador de Cristo.
Amar como ele amou. Essa é senha. Todos devem se preparar conscientemente para esse glorioso mistério. Esta profecia pode acontecer enquanto estivermos absortos fazendo o normal da vida e de repente... Pode ocorrer. Construa uma percepção cognitiva e esteja preparado para esse grandioso momento, que certamente virá.
Pedro Luiz Almeida
Obs- Outros textos no Novo Testamento que citam o arrebatamento “Eis que eu digo um mistério: Nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados, num momento, num abrir e fechar de olhos, ao som da última trombeta. Pois a trombeta soará, os mortos ressuscitarão incorruptíveis e nós seremos transformados.” 1 Coríntios 15:51-52 “
Dizemos a vocês, pela palavra do Senhor, que nós, os que estivermos vivos, os que ficarmos até a vinda do Senhor, certamente não precederemos os que dormem. Pois, dada a ordem, com a voz do arcanjo e o ressoar da trombeta de Deus, o próprio Senhor descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que estivermos vivos, seremos arrebatados com eles nas nuvens, para o encontro com o Senhor nos ares. E assim estaremos com o Senhor para sempre.” 1 Tessalonicenses 4:15-17
“Portanto, amados, enquanto esperam estas coisas, empenhem-se para serem encontrados por ele em paz, imaculados e inculpáveis.” 2 Pedro 3:14
“Conheço um homem em Cristo que há catorze anos foi arrebatado ao terceiro céu. Se foi no corpo ou fora do corpo, não sei; Deus o sabe. E sei que esse homem - se no corpo ou fora do corpo, não sei, mas Deus o sabe - foi arrebatado ao paraíso e ouviu coisas indizíveis, coisas que ao homem não é permitido falar.” 2 Coríntios 12:2-4



Confira Também:

Dissimulação e o amor ao dinheiro
Em busca da verdadeira felicidade conjugal
A Felicidade Conjugal
Batismo com fogo
Arrebatamento da igreja
Conversão ao coração do marido; conversão ao coração da esposa
Contato: Email: revpedroalmeida@gmail.com | Fone: (041) 9679-5086

Copyright © Minacq - Todos os direitos reservados