Estudos > O.V.N.I.S Sinais da da vinda de Jesus

O.V.N.I.S  Sinais da da vinda de Jesus

Sumérios, babilônios, egípcios, maias, persas. Os povos da antiguidade já dominavam há muito o conhecimento sobre o nosso sistema solar e muitas fenômenos metafísicos que hoje ainda se evidenciam neste século. Ao que tudo indica a existem indícios arqueológicos de que os povos da antiguidade entendiam ou dominavam uma tecnologia bem muito antes da civilização que hoje conhecemos.
Os avistamentos de O.V.N.I.S pelo mundo afora tem sido testemunhados por milhares de pessoas ao redor do mundo. Negar essas evidências é no mínimo insensatez de quem o faz. Há estudiosos que escreveram sobre o tema onde uma miscelânea de textos, filmes, revistas, e até em universidades estudam com afinco esses fenômenos.
A NASA tem se pronunciado a respeito dessa fenomenologia , permitindo que os governos abram seus arquivos secretos ao conhecimento popular dos povos. O assunto é tratado com seriedade em que antropólogos, cientistas, arqueólogos filósofos discutem o tema das mais variadas formas e metodológias em análises científicas em que abordam o tema documentados em artigos e filmagens. O que dificulta o entendimento linear disso é porque além dessas visões de naves nos céus, há também testemunhos de pessoas que foram abduzidas por extraterrestres.
A partir do século XX, fenômenos dessa natureza se multiplicaram de forma expressiva, fazendo parte da discussão do dia a dia do homem comum, não se tratando mais de uma fantasia ou coisa de lunáticos como eram definidas as pessoas que comentavam esses fenômenos na atmosfera. Cientistas, filósofos , esotéricos e religiosos nas suas múltiplas interpretações estudam o tema criando os pressupostos.
Há estudos e análises ao gosto do freguês para as linhas de pensamento que desse tema diversificado que a se projeta como fenômenos alienígenas e se originam em todos os estudos científicos. Portanto, as interpretações religiosas são as mais diversificadas segundo o ponto de vista de cada um.
De modo o que cada um pensa a respeito, depende muito da fonte investigada e com as interpreta. Como pastor e educador cristão, hoje atuando na área de educação religiosa e terapêutica com casais a minha opinião é que fico com a Bíblia que orienta que nos finais dos tempos haveria sinais no céu e sinais do céu.
Olhei, e eis que um vento tempestuoso vinha do norte, uma grande nuvem, com um fogo revolvendo-se nela, e um resplendor ao redor, e no meio dela havia uma coisa, como de cor de âmbar, que saía do meio do fogo./E do meio dela saía a semelhança de quatro seres viventes. E esta era a sua aparência: tinham a semelhança de homem.” (Ezequiel 1:4-5) Querode frisar, antes concluir minha idéia, que acredito em Deus, um ser espiritual, onipresente e onisciente. Creio na evolução do espírito através da ressurreição dos mortos, e que na casa de meu Pai (Como disse Jesus há muitas moradas,nos incontáveis mundos do Cosmo.
Mas, por Deus ser infinito, nossa mente finita não se pode compreender os mistérios extra físicos do universo.E assim, a humanidade, nessa busca incessante para explicá-lo, buscam em fatos reais, acontecidos ao correr dos milênios, uma maneira de entendê-los. Bem para mim uma coisa basta. Minha fé em Jesus Cristo me torna suficientemente confiante, de que um dia todos essas coisas me serão esclarecidas.
Pedro Luiz Almeida



Confira Também:

Em busca da verdadeira felicidade conjugal
Avivamento
Dissimulação e o amor ao dinheiro
A firmeza e a solidez do relacionamento
Conversão ao coração do marido; conversão ao coração da esposa
A mesa
Contato: Email: revpedroalmeida@gmail.com | Fone: (041) 9679-5086

Copyright © Minacq - Todos os direitos reservados